Plataforma Nacional de Artesanato


Desenvolvimento e criação de uma plataforma nacional, georreferenciada e pesquisável, onde serão agregados todos os produtores/artesãos certificados, assim como unidades artesanais e/ou outros produtores autopropostos - com possibilidade de produção participada (exploração do turismo-experiência). O sistema de rating e avaliação pelos consumidores (pelo consumo do produto e pelo modelo turístico baseado na experiência e produção de produtos) é o sistema de validação da experiência.


Impacto esperado

A valorização de um capital de conhecimento único, encarando-o como um produto. O desenvolvimento e dinâmica territorial dependem muito da capacidade dos territórios identificarem o seu potencial, construindo um posicionamento distintivo, criativo e inovador. A par da divulgação de produtores/produtos, artesãos e pequenas unidades artesanais, esta plataforma irá promover uma nova dinâmica de desenvolvimento e (re)conhecimento dos processos de produção artesanal – evitando o esquecimento destas tecnologias e potenciando a valorização do capital humano e de conhecimento. Espera-se que possam ser impactadas cerca de 2500 unidades produtivas artesanais atualmente inscritas no CEARTE.



Comentários